quinta-feira, outubro 04, 2007

tempo

como se olha pras pessoas quando uma coisa assim acontece? nada de mundo e pessoas perfeitas. mas como se muda "pequenos" detalhes? eu não conseguiria. é como se sentisse culpa pelos meus pensamentos. e sem coragem pra me despedir sinceramente. tudo, afinal, é questão de tempo. quanto? tenho medo de tocar e falar com as pessoas à essa altura. talvez seja melhor esperar e por vezes chorar sem que ninguém veja.

5 comentários:

eu não vou fazer sermões para você disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
eu não vou fazer sermões para você disse...

não chores pensamentos voláteis.
o nosso silencio as vezes incomoda, mas não nos envergonhemos dele. falar demais também é se auto afirmar e isso é foda.


um beijao volátil como teus pensamentos.

Mrs. Noone Special disse...

o silêncio pode incomodar ou não, depende de quem está por perto. tenho o mesmo problema, às vezes a cabeça fica borbulhando de coisas, mas as palavras não ganham som.

bjuh

No Limite do Oceano disse...

Quantas pessoas choram e ninguém as vê. E quantos detalhes são insignificantes e alguém nota algo neles?

O tempo não se conta, não é passível disso…o tempo vive-se com tudo de bom e mau que a vida tenha para nos dar.

A perfeição é algo incompleto. Nós como pessoas nunca devemos supor que algo atingiu a perfeição. Só assim a vida é uma meta a alcançar, só assim o tempo tem razão de ser. Existe para que possamos chegar ate lá, mesmo sabendo que nunca o conseguiremos compreender. Que nunca será algo que podemos olhar para a pessoa que está ao nosso lado e dizer que estamos certos quando sentimos algo…a perfeição é o limite do oceano que tenho dentro de nós…

ps- há uns dias pensava que a minha inspiração estava a ficar estagnada, depois de ler o teu texto ganhei novos impulsos. Obrigado!

*Hugs n' smiles*
Carlos

Pedro Mauro disse...

...chorar...logo disso vem as palavras,choro chorei,vou chorar,enquanto tiver lagrimas, antres mais sozinho,hoje pra ualquer um ver.