sábado, outubro 06, 2007

pessoas

cheia de surpresas diárias. cheia me me sentir menos por algumas coisas. talvez o mundo não esteja de braços abertos pra mim. é compreensivel que não seja sempre tão auto-suficiente, com tanta auto-estima. algumas coisas nos fuzilam as vezes. não preciso de desculpas e de histórias estranhas e mal resolvidadas, principalmente dos outros. as minhas já bastam. eu não quero ser ouvida, só tô precisando de um silêncio compartilhado sem intenções. só o silêncio. e talvez a companhia me baste. o mundo e as pessoas tão complicadas e cheias de si. preciso de dias em casa. levando a vida um pouco a sério.

2 comentários:

Anônimo disse...

Pessoas, pq s�o t�o dif�ceis? Talvez por isso sejam t�o apaixonantes.

Alyson L.

JOICE WORM disse...

O silêncio alheio é a melhor forma de ouvir. Gosto de textos como estes. È filosofia pessoal... Um abraço.