domingo, maio 06, 2007

[saudade]

talvez leiam ou não. será dever me importar? entra uma brecha de luz pela janela que dorme sempre aberta. dormia na cama de baixo. todos os dias às 5 ou 6 da manhã. e com tantas histórias que iam se renovando diariamente. mas os dias nos deixam. e tudo vai se apagando na memória. as imagens lindas se tornam sombras. e eu só querendo trazê-las de volta! pra que não precise de mais despedidas. o lugar traria todo o tempo, toda a força...e talvez pra felicidade, só precise estar lá.

na hora de fazer escolhas. hora de arrombar todas as portas e gritar pra ver se esperam por mim. todos os lugares me esperam. pelo menos por hoje um lugar em especial. caixas cheias de histórias. esperando por continuações. acho que as minhas mãos estão cheias de tanto, do mundo inteiro. retalhos de cartas, de trechos.

3 comentários:

Tatiana Fernandes disse...

gostei dos textos menina, parabéns!

Mrs. Noone Special disse...

=] eu costumava usar esse endereço, n eh uma reclamação. vi q está em boas mãos, surpresa boa entrar aqui. o texto sobre a saudade me parece tão familiar, principalmente neste momento. eh por saudade e um pouco de amargura q volto ao blogger, um lugar pra largar fragmentos de mim, espalha-los por aí e esperar q eles venham a se desintegrar com o tempo.

eu não vou fazer sermões para você disse...

nosso riiiiio..pri!

chero