terça-feira, outubro 17, 2006

portas trancadas

não, não é hoje que vão me dizer o que fazer. prefiro as minhas velhas fugas. portas trancadas, como se pudesse me privar da vida! e por mais que ouse isso, não quero.
ao contrário, quero histórias que me façam correr pro mais longe, sem importar o que está aberto ou fechado. sempre tantas pessoas a conhecer pelo mundo. ninguém me prende em nenhum espaço que eu conheça, até o universo parece pequeno...

2 comentários:

Lodger disse...

"portas trancadas" e cigarros acesos, né?! ¬¬'

Para ser Grande, Sê inteiro. disse...

Até que enfim encontrei os fragmentos... tô de olho, Pri.
Beijo.
Dudu.

(tu ainda não ativou os comentários pra galera)